Mais fortes por meio da oração

Atualizado: Abr 21

Quando o assunto é ser bem-sucedido na vida ministerial, tenha isto em mente: “O caminho para o êxito começa em sua intimidade com Deus!”


Por Walter da Mata


Ser um líder pastoral não é um ofício comum. Para desempenhá-lo com êxito, não basta ter competências técnicas e boa ética, é necessário algo a mais: o canal chamado “oração”, que faz conexão entre a terra e o céu. Ao dedicar-se à comunhão com o Pai por meio da oração, coisas que “são ocultas aos sábios e entendidos são reveladas aos pequeninos”, o coração de Deus se conecta com o coração dos homens.


O campo de atuação pastoral transcende às competências humanas, exige ligação com o alto, pois há um confronto invisível com as hostes espirituais do mal, onde as habilidades humanas não fazem diferença.


Paulo assim escreveu em sua Segunda Carta aos Coríntios: “Embora sejamos humanos, não lutamos conforme os padrões humanos. Usamos as armas poderosas de Deus, e não as armas do mundo, para derrubar as fortalezas do raciocínio humano e acabar com os falsos argumentos. Destruímos todas as opiniões arrogantes que impedem as pessoas de conhecer a Deus. Levamos cativo todo pensamento rebelde e o ensinamos a obedecer a Cristo” (10.3-5, NVT).


Assim, aquele que aceita o chamado divino para o ministério pastoral precisa ir além de cursos, especializações, oratória e pureza moral, é necessário transcender ao plano natural e chegar ao lugar onde o ser humano e Deus se encontram, pois é ali que as coisas são decididas.


Inclinar-se para orar é coisa para gente que sabe que é fraca, porque se dobra diante do Todo-poderoso. É atitude de quem entende que não é possível avançar sem ele. A galeria dos campões listados nas Escrituras é composta de pessoas comuns que tinham uma atitude incomum. “Elias era um homem com as mesmas fragilidades e limitações que nós, mas tendo orado, o céu reteve a chuva por três anos e seis meses, e orou outra vez, e chuva voltou a regar a terra... A oração feita por um justo é poderosa e eficaz”. 


“Ao dedicar-se à comunhão com o Pai por meio da oração, coisas que 'são ocultas aos sábios e entendidos são reveladas aos pequeninos', o coração de Deus se conecta com o coração dos homens”.

Nos meus trinta anos de pastorado, não raramente a luta do mundo espiritual invadiu o mundo físico. A tensão entre escuridão e luz se tornava perceptível ao humano, trevas densas podiam ser sentidas na pele, e entendi um pouco daquilo que está no livro de Êxodo: “trevas que se podiam apalpar”. Nessas circunstâncias, o físico paralisava, mas a mente batalhava em oração, clamando pela intervenção divina, para dissipar as trevas, que não era ausência de luz, pois as lâmpadas permaneciam acesas.


Vencido o travamento físico, minha esposa e eu caminhávamos pela casa como se  estivéssemos afastando teias de aranha, exaltando o nome poderoso de Jesus, para que a graça divina ocupasse todo espaço. Certa vez, depois do embate, ficamos alertas sobre o que estava por vir, e não demorou: nossa família sofreu um ataque do qual só Deus poderia nos socorrer. O Salmo 124 tornou-se nossa oração de gratidão: “Se não fora o Senhor que esteve ao nosso lado, teríamos sido engolidos vivos e arrastados como por um tsunami”. O Senhor nos deu escape como um pássaro que é removido do laço antes da chegada do passarinheiro! O nosso socorro vem do Senhor que fez o céu e a terra.


Dedique tempo à comunhão com o Pai!


A oração que fortalece o fraco, cura o enfermo do físico e das emoções e que afugenta o poder das trevas não pode ficar de fora entre as atividades de um bom grupo de pastoreio mútuo, discipulado e mentoreamento. Nenhuma técnica substitui a oração. É por isso que valorizamos e incentivamos a prática da oração em meio às ações de Homens Mentores e Mulheres Mentoras. Se você é líder na igreja, busque toda capacitação possível, pois isso é muito bom! Mas não se esqueça de que tudo começa em sua intimidade com Deus, em seus momentos de conversa com ele. Assim, você será mais forte!


Artigo publicando originalmente no site Homens Mentores


Walter da Mata

Missionário Sepal e integrante do Ministério Homens Mentores, foi pastor por trinta anos da Assembleia de Deus Manancial – Sobradinho (DF).


Leia também:

Um convite à sobriedade no trabalho ministerial

Para quem está pensando em “jogar a toalha”

O pastor e a família

0 visualização

Capacitações

- Discipulado & Mentoria
- Liberdade em Cristo
- Mentoria Avançada
- Sabedoria do Lar

Redes Sociais

Acompanhe

Mulheres Mentoras

nas redes sociais:

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

Contato

Rua Moisés Salomão, 76
Apartamento 103

Catalão-GO

CEP 75703-030

Tel: (61) 99939-4185

© 2019 - Mulheres Mentoras